Ordem da Confraria Elementar Primeira do Brasil

A CONSTRUÇÃO DE UM NOVO ESPIRITISMO NO MUNDO ATUAL

Os modernos  autores, a  filmografia levada a efeito a partir dos Estados unidos e a existência de um número enorme de pesquisadores no  mundo  todo,  centros  universitários  inclusive,  produzindo  uma  grande literatura, o surgimento de um número cada vez maior de médiuns  e  observamos  isso  em  nossos atendimentos,  demonstra  que  outras mudanças estão a caminho. Ontem  não  sabíamos  da mediunidade  e  nem  tínhamos onde  nos socorrer.  Com  o  tempo  surgem  os  grupos  espíritas  e  avança  por  diversos  caminhos   o espiritismo,  seja   ele   de   influência  européia,  oriental, indígena  ou  africanista.  Não   é  discutida a existência dos espíritos, o que se  discute  agora  são  as  opções humanas.

É  cada  vez  maior  o  número  de  pessoas  que  procura  um   caminho   independente,  que  teme  a  identificação  e a filiação a algum grupo,  que  aceitam  a  existência  dos  espíritos, mas não se definiram sobre o que fazer com suas vidas. Onde  o lado profissional e a realização  financeira  são mais importantes. Visitam centros, são pacientes de atendimentos, conhecem funções básicas e muitos tem em  muitos  livros  sobre  diversos  assuntos,  da  radiestesia  até  narrativas  espirituais.  Uma  literatura  sem ordem, não obedecendo nenhuma  corrente  em  particular, sem  direção  definida, são  informações,  práticas,  resultados pessoais, religiões antigas revividas, xamanismo,  indigenismo,  orientalismo  em  suas  diversas  correntes,  tantrismo  cinza e vermelho e até correntes se afirmando como praticantes  de  tantrismo branco. Mais  de duzentas obras  tratando  dos mais diversos aspectos da feitiçaria, magia, religiões práticas e  outros  aspectos  sendo  mencionados  por  mais  de  cinquenta  autores.  Deste  acúmulo  de  informações  e  comentários  se forma dentro  dos  leitores  e buscadores um esboço de conhecimento que ainda não é uma síntese, mas uma disposição, e uma tendência, de qualquer  modo  poderemos    afirmar  que  uma  nova  religião  está  em  formação  e  que  ela  reúne  o melhor  de  todas  as  religiões existentes  no  planeta.   Pode ser que um ou outro indivíduo possam sintetizar essas tendências e personificarem esse princípio, todos os  melhores  estão  procurando  esse  caminho  que  possa  reunir os fundamentos, sim, procuram fundamentos,  buscam  as  bases  e verdades  no  meio  de  um  emaranhado  de  ideias , afirmações, crendices, práticas e realidades experimentadas e nunca teorizadas.

O  que  acontece  na  vida  de  um  sensitivo, no  seu  dia-a-dia  supera  em  muito  a  mais fantástica literatura, suas necessidades não são respondidas  pelas  religiões  existentes, todas elas baseadas nas tradições ou  nas  crenças  de  um ou outro povo ou na história de uma ou outra raça. Essas  pessoas  são  do mundo  moderno,  estão  realizando  em  si m esmas  a  síntese  e  não   possuem   nenhuma verdade  ou  crença  em  particular, é  uma marca, profunda, difícil, real. Possuem  dificuldades e embora percebamos a necessidade de uma crença e até de uma religião, são independentes, de múltiplas influências e origens raciais. Homens e mulheres que são sensitivos, médiuns,   com   índices  elevados  de  paranormalidade  e    que  não  se  identificam  com  facilidade  em  nenhuma  organização.   Isso observamos   com   cuidado   e  podemos  mesmo  afirmar  que  um  processo novo está sendo gestado no meio da sociedade humana, é com  certeza  o  que contém os elementos da religião do futuro, apenas percebidos, pressentidos. Não negam a ciência e até se apoiam em  princípios  técnicos,  substituindo  a crença pelo conhecimento, a experimentação íntima e pessoal pelo relato e a demonstração de fé coletiva. Um processo desenvolvido internamente e pelo processo da interioridade.